Blog

Notícias e novidades da Octane e do mundo automotivo

Carros e games: uma paixão que ultrapassa os limites do mundo real

Atualmente, o mercado de games é marcado pela grande diversidade de jogos relacionados ao universo automobilístico. É possível participar de corridas pelo smartphone, consoles e também simuladores virtuais

É comum que os apaixonados por carros no mundo real transfiram essa paixão também para o ambiente virtual, por isso, jogos relacionados ao universo automobilístico são os mais procurados na AppStore e Google Play, que são plataformas responsáveis por armazenar os aplicativos disponíveis para o sistema iOS e Android, respectivamente.

O Asphalt 8: Airbone, por exemplo, já acumula mais de 90 mil downloads e permite que os jogadores deem a volta ao mundo, correndo em circuitos no Japão, Islândia, França e até no Brasil. São 47 carros para colecionar divididos em classes. O software está repleto de eventos e corridas para participar, são oito temporadas e mais de 180 eventos apenas no modo carreira.

O aplicativo possui comandos simples que permitem uma fácil dirigibilidade dos carros. O controle padrão é o acelerômetro. Para fazer curvas, o jogador deve inclinar seu aparelho. A aceleração é automática e para usar o nitro, basta tocar no lado direito da tela. Ou seja, interatividade total para os amantes de adrenalina.

Além disso, é possível encontrar games que simulam uma corrida de verdade em outras plataformas. O DriveClub, exclusivo para PlayStation 4, aposta em gráficos caprichados e em um sistema de controles superafiado e, ao mesmo tempo, fácil de dominar. O resultado disso é que, durante as corridas, você tem a sensação exata de como é, no mundo real, dar comandos errados ao carro ou dirigir quando está chovendo, anoitecendo ou nevando.

Leonardo Vilela é programador e técnico em desenvolvimento de games e, quando questionado sobre qual plataforma oferece sensações mais semelhantes ao real, faz questão de enfatizar a diferença de jogabilidade entre elas. Para o programador, os smartphones fornecem prazeres rápidos, no entanto, o tamanho da tela faz a diferença. Quando o jogo está disponível para consoles de vídeo games, como o PlayStation 4, a imersão visual nas corridas é maior e, consequentemente, a vivência daquela experiência também.

Para os que desejam uma experiência ainda mais intensa, deve-se apostar nos simuladores automobilísticos. A Reiza, empresa brasileira especializada em desenvolvimento de simuladores automobilísticos, lançou a versão do jogo Stock Car, que traz trinta e dois automóveis e pilotos e os doze autódromos brasileiros. O game pode ser testado por 1 hora, sem nenhum custo. Se o internauta quiser adquirir o jogo, terá que pagar R$ 49,90 no site oficial da empresa, em versão destinada para computadores.

O segredo da largada 

O segredo para uma boa partida, segundo Leonardo, é o treino. No entanto, é preciso conhecer seu carro, uma vez que os modelos virtuais apresentam, na maioria das vezes, características semelhantes às máquinas do mundo real. “Sua largada deve ser bem limpa e evitar acidentes iniciais, que podem danificar sua máquina, assim, a sua chance de fazer uma boa corrida de recuperação e ficar em primeiro é maior do que quem está lá na frente”, afirma o programador, que é também um aficionado pelos games de corrida.

Leave comments

Your email address will not be published.*



You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Back to top